top of page

Céu de julho: observe a via láctea

Julho é um mês especial para os amantes da astronomia, pois oferece algumas das melhores oportunidades para observar o céu noturno. Aos estudantes que estão de férias, pode ser uma grande oportunidade para espiar o céu nas noites frias de inverno. Este mês, destaca-se a observação da Via Láctea, a majestosa galáxia onde estamos inseridos. Além disso, é o melhor período para observar estrelas e constelações fascinantes, como Altair, Deneb e Vega, que juntas formam o famoso Triângulo de Verão*.


O Triângulo de Verão*

Altair, da constelação da Águia, Deneb, na constelação de Cisne, e Vega, da constelação de Lyra, são três estrelas brilhantes que dominam o céu de julho. No hemisfério norte, essas estrelas formam o Triângulo de Verão, visível durante as noites da estação. Este asterismo é um guia excelente para localizar outras constelações e objetos celestes ao seu redor. Embora seja chamado de Triângulo de Verão, devido à sua visibilidade no céu noturno do verão no hemisfério norte, esse asterismo também pode ser observado no hemisfério sul durante o inverno. Essa nomenclatura se deve à inversão das estações entre os hemisférios. Portanto, no hemisfério sul, mesmo sendo inverno, ainda é possível admirar o Triângulo de Verão formado por Altair, Deneb e Vega.


O Centro da Via Láctea

O centro da nossa galáxia, a Via Láctea, também é visível em julho, especialmente nas proximidades das constelações zodiacais de Sagitário e Escorpião. No núcleo galáctico, encontramos Sagitário A* (Sgr A*), um buraco negro supermassivo ao redor do qual toda a matéria da galáxia, incluindo o nosso Sistema Solar, orbita. Observar essa região é uma experiência única, que nos conecta ao centro da nossa galáxia.



Eventos Celestes em Julho

Este mês, o céu noturno estará repleto de eventos celestes imperdíveis. Confira as principais datas:

  • 01/07: Conjunção da Lua e Marte antes do amanhecer, direção leste, na constelação de Áries.

  • 02/07: Conjunção da Lua com o aglomerado das Plêiades antes do amanhecer, direção leste, na constelação de Touro.

  • 03/07: Conjunção entre a Lua e Júpiter antes do amanhecer, direção leste, na constelação de Touro. Lua, Júpiter e Aldebaran formarão um belo trio celeste.

  • 05/07: Terra no afélio, ponto em sua órbita de maior afastamento do Sol.

  • 15/07: Conjunção entre Marte e Urano antes do amanhecer, direção leste, na constelação de Touro. Os astros estarão separados por apenas 0,5°. Urano poderá ser visto apenas com o uso de binóculos, em céus escuros.

  • 21/07: Melhor momento para observação de Mercúrio, que estará visível no começo da noite, direção oeste, ao lado da estrela Regulus, na constelação de Leão.

  • 24/07: Conjunção entre a Lua e Saturno, visíveis na direção leste, na constelação de Aquário, após 21h30.

  • 30/07: Conjunção entre a Lua, Marte e Júpiter durante a madrugada (após as 04h), direção leste, na constelação de Touro. No mesmo dia, Lua, Marte, Júpiter e Aldebaran formarão um belo quarteto celeste. Máxima atividade da chuva de meteoros Delta Aquaridas, que poderá ser observada durante toda a noite (de 30 para 31), a partir das 21h.


Dicas de Observação

  • Escolha um local escuro: A poluição luminosa das cidades pode prejudicar a observação do céu. Procure áreas afastadas e com pouca iluminação artificial.

  • Leve binóculos ou telescópio: Alguns eventos, como a conjunção de Marte e Urano, são melhor apreciados com o auxílio de instrumentos ópticos.

  • Consulte um mapa estelar: Use aplicativos de astronomia para localizar as constelações e os eventos celestes mencionados. Recomendamos o Stellarium, que pode ser utilizado na versão web, desktop e app.

  • Verifique a previsão do tempo: Céus claros e sem nuvens são essenciais para uma boa observação.


Prepare seu equipamento, convide amigos e familiares, e aproveite o espetáculo celeste que o mês de julho tem a oferecer. Boa observação e céus limpos!


Gostaríamos de agradecer ao Observatório do Valongo (OV) pelas informações publicadas no anuário de efemérides, que enriqueceram este artigo com detalhes precisos e valiosos sobre os eventos astronômicos de julho.

 

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page